Meu padrasto gostou da minha xaninha

Vou contar um caso beeeeeeeem recente, tipo, alguns dias atrás hehehe
Minha mãe se juntou com um cara, praticamente casaram já, ele está morando com a gente. Isso já tem 6 meses.
Faz poucos dias que ele queria uma coisinha mais… picante rs
Ele tem 43 anos, meio tiozão já haha mas é bem gostosinho
Eu estou de férias do trabalho, minha mãe trabalha com revezamento de turno e ele durante o dia. Ela pegou uma semana inteira de período noturno, começando de um domingo e indo até sábado, como meu irmão está morando com a noiva dele, só ficamos eu e meu padrasto em casa.

“Lili, já tomou banho” Ele me perguntou.
“Não, vou daqui a pouco.” Respondi, eu estava no meu quarto, deitadona de boa conversando com um amigo meu pelo whats combinando uma noitinha para sairmos rs
“Eu vou agora então” Ele disse e saiu.
Passei um tempo conversando com meu amigo, ele mandou umas fotos bem boas dele e eu aproveitei para tirar umas minhas só de calcinha e sutiã.
A última que fui tirar em frente o espelho, colocando uma mão por dentro da calcinha o meu padrasto viu…
“Só cuidado pra não circular pela internet.” Ele disse.
“Eu… não tava… não…” Me virei com tudo e congelei, nem sabia bem o que falar.
“Relaxa menina, você é minha enteada mas não me vejo com autoridade pra interferir na sua vida sexual… você faz o que der na telha” Ele falou e ficou esperando alguma resposta minha.
“Ta… ta bom.” Falei.
“Só… ajeita o lado esquerdo do sutiã que ele ta quase saltando pra fora. Já são grandes, com um sutiã pequeno desses… vai acabar escapando” Ele falou rindo.
“Ta… ok.” Eu ainda tava sem reação, arrumei o sutiã.
Fui tomar meu banho, depois voltei pra cama e tranquei a porta do quarto… bateu tesão olhando as fotos do meu amigo (e da piroca dele) e não deu outra, tirei a calcinha e meti uma siririca. Coloquei o travesseiro na cara pra tentar não gemer e ele ouvir, do nada ele bate na porta do meu quarto.
“Já vou.” Pulei da cama, coloquei a calcinha, respirei fundo, ajeitei o travesseiro e abri a porta.
“Vou pedir pizza, quer do que?” Ele me perguntou.
“Ah… pode ser… queijo… é, três queijos.” Quase gaguejei.
“Ainda ta desconfortável por hoje mais cedo? Fica tranquila menina, na sua idade os hormônios ainda tão a mil por hora…” Ele falou.
“É eu, bom, fiquei pensando naquilo e não foi algo muito bom… quer dizer, no mínimo eu devia ter trancado a porta.” Falei merda…
“Hum… acho que já sei o porque de a porta estar trancada.” Ele falou e deu uma olhada rápida pra minha calcinha, só pra indicar que entendeu.
“Ah… mulher também se masturba né? Faz parte…” Eu ainda tava nervosa pra caralho, mas tentando disfarçar.
“Sim, isso é normal mas olha pra você.” Ele me olhou da cabeça aos pés.
“Como assim?” Acho que tinha alguém de olho em mim rs
“Uma mulher igual a você, duvido que se masturbe… quer dizer, o que deve ter de rapaz atrás de você” Ele falou dando um sorrisinho bem maroto.
“Não só atrás, mas de frente também… e olha que gosto de me masturbar hein.” Falei.
“Alguém já te masturbou antes?” Perguntou.
“Já, e já fizeram bem mais do que isso…” Respondi.
“É bom né?” Perguntou dando mais uma olhada pra mim, dos pés a cabeça.
“Principalmente se os dedos forem grossos iguais esses.” Peguei a mão dele e coloquei na minha barriga, fui descendo ela até entrar na minha calcinha… quando ia chegando bem pertinho da minha xaninha eu tirei a mão dele.
“Você já ta meio molhada, seria uma pena deixar secar…” Ele falou, colocando uma das mãos na minha cintura e a outra na altura dos meus peitos, mas do lado.
“Pois é… mas pau comprometido pode gerar problema, sabe?” Disse pra ele, alisando por cima do samba canção dele.
“A gente pode brincar de outra forma” Ele falou chegando perto.
“Como?” Me deitei na cama com as pernas abertas.
Ele veio, tirou a minha calcinha e o samba canção dele.
Colocou um dedo na minha buceta e começou a me masturbar, gostei.
Depois colocou o segundo dedo, grosso do jeito que é me deixou louquinha.
Daí ele resolveu meter o terceiro dedo dentro… delirei.
“Ah… vai mais vai… ah…” Eu pedia e ele socava os dedos dentro.
Tirei o sutiã e com a outra mão ele apertava meus peitos, até a hora que eu gozei.
Depois que gozei, peguei os dedos dele melados e chupei, engoli tudo o que tinha lá…
“Agora é sua vez.” Ele se deitou e eu caí de boca.
Mamei sem parar, com vontade, quase afundando minha garganta naquela rola gostosa dele… tesão demais!
Sentei com tudo e rebolei, rebolei, esfreguei a rola na minha buceta e depois cavalguei muito. A cama ia pra lá e pra cá, batia na parede e eu gemia alto querendo rola, estava com muito fogo!
“Fode… ah… fode… vai… ah…” Eu pulava e gemia.
“Senta safada… vai… senta no caralho” Ele repetia e batia na minha coxa.
Saí de cima dele e fiquei de quatro.
“Fode essa xotinha fode… mete com tudo vai” Eu pedia e ele veio, enfiou tudo o que podia e socou minha buceta.
Ele metia com força e batia na minha bunda, deixou ela beeeeem vermelhinha rs
“Ai ai ai… ah… ah… ah… ah…” Eu continuava gemendo, só tomando pirocada na xaninha. Naquela hora a bichinha já devia ta vermelhinha também hehe
Ele atolou a rola o mais fundo que deu e largou a porra dentro…
Depois me deitou na cama, ainda de costas, abri minha bunda e ele enfiou no meu cuzinho.
Socou a cabeça melada de porra com força, puxando meu cabelo pra trás e batendo na minha bunda.
“Ai… Ai… Ah… Ah… Ah… Ah…” Eu gemia muito alto, sentia meu cu ardendo e a rola indo e vindo, ele enfiava até onde conseguia e eu sentindo já a porra quentinha escorrendo da minha buceta.
Depois ele parou, mas não tirou o pau de dentro rs
“Você é bem escandalosa… gostei disso.” Ele falou.
“Ah… ui… minha mãe não deve ser, ai… pelo visto.” Falei, ainda sentindo umas dorezinhas no cu rs
“Não, mas não dispensa um bom anal” Ele respondeu.
“Puxei a ela.” Respondi rindo.
“Eu ficaria louco se algum dia visse vocês duas se chupando… olha, isso seria a melhor coisa que já teria visto na minha vida.” Ele disse bem alegre.
“Sonha menos tiozão, sonha menos.” Respondi.
Ele saiu de cima de mim, mas ficou ainda de joelhos na minha cama, eu me virei de frente pra ele.
“Duvido que ela goste de fazer isso.” Falei me sentando de frente pra ele, respirei fundo, coloquei o pau dele na minha boca e afundei minha garganta até não dar mais… fazendo uma garganta profunda e babando o pau dele todo. Repeti mais algumas vezes rs
“É… isso ela não faz, eita boquinha deliciosa essa.” Ele falou fazendo carinho no meu rosto.
“Só a boquinha?” Perguntei.
“Boquinha, bucetinha, cuzinho, peitões… tudo. Uma carinha de menininha inocente, mas no fundo tem um fogo da porra.” Ele respondeu segurando meus cabelos.
“Nem porra apaga esse fogo.” Falei, saindo de perto e indo pro banheiro.
E foi isso rs

Ainda vou contar pra vocês o dia que recebi 15 esporradas na buceta.
E também da aposta que perdi pra uns amigos e tive que pagar com o corpo rs

Beijos amores

11 comentários sobre “Meu padrasto gostou da minha xaninha

  1. Adorei esse conto. Eu queria ter essa sorte. Poder comer a mãe e a filha dela. É muita sorte mesmo. Sou um coroa cheio de tesao de SP e carente pra caramba. Gosto muito de tranzar. Meu zap é 11948001531 liga viu.

  2. Minha esposa perdeu o cabaço com o padrasto dela, casamos e ele continuou transando com ela, minha sogra faleceu e ele veio morar com a gente, hj ele é o macho dela, eu so fico assistindo os dois e pagando as contas.

Deixe um comentário

CAPTCHA



Online porn video at mobile phone


conto erotico encoxadagozando no onibuscontos eroticos em familiacoto eroticocontos eroticos sobrinhocontos eroticos femininoscoto eroticocontos eroticos incesto pai e filhaconto erotivohistoria eroticascontos porno incestocontoeróticocomi minha mae contocontoa eróticoscontos sexo incestoconto erotiocontos de putariasconto erotico troca trocacontos eroticos primeira vezconto erotico de incestoconto eroticocontos incesto mae e filhocontos eroticos de casadasmelhores contos eroticoscontos eroticos reaiscontos eroticos mãecontos eroticos em onibuscontos eróticos irmãcontos eróticos de travestisconto eróticocontos eriticosconto erótico primacontos e relatos eroticosrelatos de sexoconto wroticocontos de sexo eroticoscontos eroticos incertoscontos eróticos de incestoconto erotico casadacontos incestoscontos eroticos siriricacontos sexycontos eroticos fantasiacasa do conto eroticocontos eroticos safadoscontos pornôscontos de incesto realcontos eroticos proibidoscontos eroticos chupando bucetacontos eroticos madrastaconto erótico travesticonto erroticoconto erotico maevontade de dar o cucontos eroticos traiçaocontos comendo a cunhadacontos porncontos eróticos realcoto eroticocontos eróticos verídicoscontos eroticos com policiaisconto erotico insestocontos.erocontos de travestisconto erotico maecontos eroticos categoriaconto gay primeira vezcontos e relatos eróticoscontos eroticos com policiaisconto de corno mansocontos eroticos realcomi minha cunhada contosconto gayscontos eroticos brcontos gay últimoscontos eroticos atualizadoscontos eroticos analconto erotico gravidaconto erotico traiçãocontos eroticos reaisvontade de dar o cu