O irmão do meu amigo

Me chamo Flávio, o que narro agora aconteceu em 2003, quando eu tinha 19 anos. Sou hétero, mas desde criança tenho fantasias sexuais com homens. Nunca tinha experimentado nada a não ser aquelas coisas de criança, mas sempre como ativo.
Em 2003 eu estava na casa de um amigo. Ele havia saído para comprar cerveja no mercado. Eu estava no quarto do meu amigo sentado em uma poltrona escutando música enquanto esperava por ele. Foi quando seu irmão Diego entra no quarto completamente nu com uma toalha no ombro, se preparando para tomar banho. Fato normal já que tinha intimidade pra isso. Nessa hora só estava eu ele na casa. Ele se sentou na cama e ficou de frente pra mim.

Diego era um ano mais novo que eu, moreno claro, não tinha pêlos, tinha um peitoral maravilhoso e nenhuma barriga. Enquanto conversávamos não pude deixar de reparar em seu corpo. Comecei a ficar nervoso e excitado ao mesmo tempo. Eu me tremia todo, tinha calafrios e minhas pernas estavam bambas enquanto meu pau só crescia. Eu estava com uma calça de tectel folgada e sem cueca, o que fez com que Diego reparasse o volume do meu pau completamente duro, mesmo eu tentando disfarçar.

Foi então que Diego percebendo o meu tesão começou a ficar de pau duro também. Nós iamos conversando enquanto eu, mesmo tentando dispistar não parava de olhar pra aquele pau. Devia ter uns 22 cm retinho levemente encurvado pra cima. O fato de ele ficar excitado me deixou mais tranquilo. Foi quando Diego com uma cara de safado me disse:
– Você gosta de macho né!
Eu meio gaguejando respondi:
– Ôoo !
Não sei porque eu disse aquilo, mas nessa altura eu já estava explodindo de tanto tesão. E queria continuar. Ele então olhando pro pau me pergunta:
– Quer chupar?
Eu sem dizer nada me levantei, fui em sua direção e me abaixei. Olhei pro seu rosto, e fui acariciando e olhando aquele peitoral delicioso. Comecei a lamber lentamente aquele pau. Passava meu rosto em suas coxas. Me lembrei que meu amigo estava pra chegar e abocanhei logo aquele pau delicioso. Fiquei chupando por uns dez minuto e perguntei pro Diego:
– Você vai me comer, não vai?
Ele se levantou rapidamente, trancou a porta e pegou um creme pra lubrificar o pau enquanto fui pra cama e fiquei de quatro. Eu só disse pra ele ir com cuidado porque era a minha primeira vez.
Diego passou creme no dedo o e enfiou no meu cu, massageou um pouco, depois enfiou mais um e massageou um pouco mais. Enfiou o terceiro dedo ficou mais um pouco. Meu pau babava. Ele me comeu “no pêlo”. Enfiou seu pau de uma vez na minha bunda e bombou forte por uns quinze minutos.
Fui amolescendo de tanto prazer e me estiquei deitando de bruços na cama, enquanto Diego ficou deitado com seu corpo todo colado sobre o meu. Fiquei louco de prazer. Eu virava meu rosto para traz procurando a boca dele para beija-lo, mas ele negou.
Nessa hora Diego parou de bombar e ficou desbruçado sobre mim com o pau todo enfiado no meu rabo. Deixou o pau dentro de mim por alguns minutos e retomou o vai e vem lentamente em movimentos circulares. Nessa hora eu não resisti e gozei. Ele logo começou a bombar forte de novo por mais uns dez minutos, foi então que eu disse:
– Goza dentro de mim vai! Depois de algum tempo senti seu pau inchar em deliciosas estocadas. Diego gozava que nem um cavalo, em jatos fortes e fartos. Me desbrucei de novo na cama e ele ficou em cima de mim até o pau amolescer dento de mim .Ele então se levantou rapidamente me deu uma toalha pra eu me limpar trocou o lençol da cama e disse:
– Meu irmão deve ta chegando.
E foi tomar banho. Eu me limpei vesti a roupa sentei na poltrona e não se passou nem trinta segundos meu amigo entra no quarto. Nessa noite bebi pra comemorar a primeira vez que dei a bundinha.
Outras estórias aconteceram depois comigo e o Diego, em breve contarei em outro texto.

Deixe um comentário

CAPTCHA



Online porn video at mobile phone


relatos de incestoconto gay primeira vezcontos eróticos traiçãoconto erotico putinhacontos eroticosacontos eroticos surubacontos de incesto gayconto erotico sogrocontos eroticos com meninastextos eroticoscontos eroticosxontos eroticoscotos eroticoscontos eróticos sogrocontos de cornoscontoa eroticoscontos eroticos curtoscontos encoxadascontos boqueteconto insestoconto eroticoscontos eroticos avocontos eroticos academiacontos eróticos recentesconto erotico ginecologistaconts eroticosrelatos eroticoscontos eroticos travestimelhores contos eroticoscontos de putariacontos de casalcontos encoxadasconto erotico troca trocacontoseróticocontos heroticos incestoconto eróticos onlinerelatos de incestoscontos de.sexoconto erótico tiocontos reais de sexocontos eroticos de maecontos de cornosconto erotico lesbicocontos eorticoscontos eroticos namoradoscontos adultoscontos eroticos insestocontos de sexo incestorelatos eroticoscontoseroticos gaycontos eroticos traindo o maridocontos eroticos comi minha sogracontos de fodaconto erotiocontos eroticos papaicontos gays 2018contos eróticos sobrinhacontos eróticos professorconto eroticocontos eroticos comendo a sogracontos eroticoa gaycontos eroticos encoxadacontos eroticos de maeconto erotico policialcontos eroticos casadacontos eroticont eroporno contos eroticoscontos eroticos no carrotransei com meu padrastoconto erotico sobrinhacontos eróticos a forçacomi meu primocontos eroticos selvagemcontos de cornoscontos eroticos de sograminha esposa nuagay contos eroticostravesti contosconto eroticoscontos corno manso